Arquivo da categoria: Cuba

Cuba condena o terrorismo e a manipulação política

Declaração do ministério das Relações Exteriores

O ministério das Relações Exteriores expressa seu enérgico rechaço à inclusão caluniosa da República de Cuba em uma lista do Departamento de Estado dos Estados Unidos referida a países que supostamente não cooperam plenamente com os esforços estadunidenses contra o terrorismo, tornada pública em 13 de maio de 2020, a que foi contundentemente rechaçada pelo presidente Miguel Díaz-Canel Bermúdez. Trata-se de uma lista unilateral e arbitrária, sem fundamento, autoridade ou respaldo algum e que, como é sabido, tão somente sirve aos propósitos de difamação e coerção contra países que se recusam a acatar a vontade do Governo dos Estados Unidos em suas decisões soberanas.

O argumento principal empregado pelo Governo dos Estados Unidos foi a presença no território nacional cubano de membros da delegação de paz do Exército de Libertação Nacional (ELN) da Colômbia.

Leia o resto deste post

Díaz-Canel reconhece contribuição transcendental da ciência cubana na batalha contra a Covid-19

images

O presidente da República trocou com um grupo de cientistas, na sede do Centro e Neurociências de Cuba, e visitou, também, a diretoria do Grupo de Eletrônica, onde lhe mostraram algumas das contribuições da indústria nacional ao confronto à pandemia

O presidente da República de Cuba, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, reconheceu a contribuição transcendental feita pela ciência cubana na batalha contra a Covid-19, ao visitar em 19 de maio, o Centro de Neurociências de Cuba e trocar ideias ali com vários dos cientistas que estiveram na primeira linha de confronto à pandemia.

Após escutar duas apresentações sobre a estratégia de obtenção de um candidato cubano da vacina contra o Sars-Cov-2 e o programa preventivo da Covid-19, o chefe de Estado destacou que «nos últimos dias se torna evidente que tudo aquilo que fomos valorizando, semana após semana, com os cientistas e o grupo de peritos, está sendo concretizado em resultados».

Leia o resto deste post

Fidel contra a Covid-19 e mais além

Que a resposta de Cuba à Covid-19 esteja acima da maioria dos países ao seu redor, incluindo os Estados Unidos e vários europeus, é uma realidade que vai ganhando força

Que a resposta de Cuba à Covid-19 esteja acima da maioria dos países ao seu redor, incluindo os Estados Unidos e vários europeus, é uma realidade que vai ganhando força. Um sistema e saúde baseado na prevenção, com presença em todos os quarteirões de consultórios médicos, estruturado a partir das comunidades com policlínicas docentes em cada povoado ou bairro, hospitais gerais e especializados em todas as capitais das províncias e nas cidades mais importantes, tal como Faculdades de Medicina e centros avançados para a pesquisa biomédica, permitiram fazer uma pesquisa ativa e constante na procura de doentes assintomáticos, bem como seu isolamento e tratamento precoce com protocolos e medicamentos nacionais, alem da criação de uma tecnologia própria para realizar testes capazes de detectar pacientes portadores do vírus, com despesa mínima de reagentes, nos laboratórios pré-existentes em todos os municípios do país.

Leia o resto deste post

Ataque contra a Embaixada cubana: o silêncio eloquente dos seus cúmplices

O ministro das Relações Exteriores de Cuba, Bruno Rodríguez Parrilla, na entrevista coletiva virtual, oferecida em 12 de maio, sobre o ataque terrorista à Embaixada cubana nos Estados Unidos, expressou: «Temos aqui um atacante, um fuzil AK-47, 32 cápsulas de projeteis, 32 furos de balas e a declaração — do executor dos fatos — da intenção de agredir e de matar».

O ministro das Relações Exteriores de Cuba, Bruno Rodríguez Parrilla, na entrevista coletiva virtual, oferecida em 12 de maio, sobre o ataque terrorista à Embaixada cubana nos Estados Unidos, expressou: «Temos aqui um atacante, um fuzil AK-47, 32 cápsulas de projeteis, 32 furos de balas e a declaração — do executor dos fatos — da intenção de agredir e de matar».

«Temos, ainda, o silêncio do Governo dos Estados Unidos, um silêncio que nós conhecemos, que acompanhou durante anos as ações que grupos violentos, com base no território desse país, executaram contra Cuba. Cada onda de terror foi precedida por campanhas de ódio, de rancor, de ameaças, de tentativas de desacreditar a atuação de Cuba na arena internacional, em meio de um cenário onde o cerco econômico aperta cada vez com mais força.

Leia o resto deste post

«É necessário denunciar o silêncio cúmplice do governo dos Estados Unidos»

O ministro das Relações Exteriores de Cuba, Bruno Rodríguez Parrilla, denunciou, na terça-feira, 12 de maio, o silêncio cúmplice dos Estados Unidos relativamente ao ataque terrorista à Embaixada de Cuba em Washington

O ministro das Relações Exteriores de Cuba, Bruno Rodríguez Parrilla, denunciou, na terça-feira, 12 de maio, o silêncio cúmplice dos Estados Unidos relativamente ao ataque terrorista à Embaixada de Cuba em Washington, ocorrido em 30 de abril passado. O anterior veio a público durante uma entrevista coletiva virtual, oferecida na sede da Chancelaria cubana.

Rodríguez Parrilla declarou à imprensa que o assalto foi perpetrado pelo cidadão cubano Alexander Alazo Baró, uma pessoa de origem cubana e que mora nos Estados Unidos desde o ano 2010.

Leia o resto deste post

Biomoulina T, outro fármaco cubano eficaz contra a Covid-19

A partir da obtenção do seu registro sanitário em 1994, a Biomodulina T foi empregada basicamente no tratamento de infecções respiratórias que se repetem nos adultos e idosos, com excelentes resultados de eficácia e segurança avaliados por testes clínicos, publicações e mais de 20 anos de emprego na prática médica em nosso país.

A partir da obtenção do seu registro sanitário em 1994, a Biomodulina T foi empregada basicamente no tratamento de infecções respiratórias que se repetem nos adultos e idosos, com excelentes resultados de eficácia e segurança avaliados por testes clínicos, publicações e mais de 20 anos de emprego na prática médica em nosso país.

Leia o resto deste post

Mais de 1,6 mil epidemiologistas fazem parte do pessoal da saúde em Cuba

«Cuba conta, atualmente, com 1.601 profissionais especializados em Higiene e Epidemiologia, uma especialidade da qual muito temos escutado nas últimas semanas, perante o cenário da Covid-19, mas cujo campo de ação é o bastante amplo, já que não somente atende às doenças infecciosas, mas também as doenças crônicas não transmissíveis e problemas de saúde tais como o alcoolismo, o tabagismo e a adição às drogas»

«Cuba conta, atualmente, com 1.601 profissionais especializados em Higiene e Epidemiologia, uma especialidade da qual muito temos escutado nas últimas semanas, perante o cenário da Covid-19, mas cujo campo de ação é o bastante amplo, já que não somente atende às doenças infecciosas, mas também as doenças crônicas não transmissíveis e problemas de saúde tais como o alcoolismo, o tabagismo e a adição às drogas».

Leia o resto deste post

“Para quem cria e apóia a Pátria

Primero de mayo 2020

Este primeiro. Maio, às oito horas da manhã, ao mesmo tempo em que todos estaremos cantando o hino Nacional, seremos aplaudidos por todos os trabalhadores que merecem quem, em seus postos, em suas casas ou em um canto distante do mundo, trabalha sem descanso para vencer a epidemia

Embora a cidade este ano não possa desfilar, como fizemos historicamente a cada 1º. Maio, desde 1959, para comemorar com os trabalhadores que aqueles que levantam e apóiam a Pátria estão no poder, apesar de bloqueios, guerras e ameaças, que as pessoas já estão hoje gerando as mais belas iniciativas para marchar de onde podemos fazê-lo agora que somos obrigados a manter distância física. Precisamente nossas casas se tornarão todas as nossas praças.

Leia o resto deste post

Outra brigada a favor da vida viaja à África do Sul

Uma brigada de 217 profissionais da Saúde Pública cubana partiu, em 26 de abril, para a África do Sul, para apoiar o combate contra a Covid-19 nesse país

Uma brigada de 217 profissionais da Saúde Pública cubana partiu, em 26 de abril, para a África do Sul, para apoiar o combate contra a Covid-19 nesse país. Com ela já são 22 as «embaixadas médicas» da Ilha que viajaram para o exterior, a fim de salvar vidas.

No total, são mais de 1.450 os homens e mulheres de batas brancas, pertencentes ao Contingente Henry Reeve, que em meio da pandemia partiram para 22 nações da Europa, América Latina e o Caribe, África e Oriente Médio.

Leia o resto deste post

Nós, depois de superarmos o vírus

Nem poucas mensagens nas redes sociais prognosticam que depois da crise epidemiológica que hoje estamos vivendo seremos melhores, mais solidários, valorizaremos mais a vida e, sobretudo, seremos capazes de construir um mundo diferente, para bem.

Nem poucas mensagens nas redes sociais prognosticam que depois da crise epidemiológica que hoje estamos vivendo seremos melhores, mais solidários, valorizaremos mais a vida e, sobretudo, seremos capazes de construir um mundo diferente, para bem.

Leia o resto deste post

%d blogueiros gostam disto: