Enquete: mídia dos EUA influenciou eleições presidenciais

De acordo com os dados da mais recente enquete Sputnik-Opinião, a grande maioria dos norte-americanos (80%) acredita que a mídia foi mais favorável a um dos candidatos na sua cobertura das eleições presidenciais nos Estados Unidos.

Enquete: mídia dos EUA influenciou eleições presidenciais

Mais da metade da população dos EUA (59%) disse que a mídia local e nacional foram tendenciosas. A enquete foi realizada pela empresa de pesquisa TNS UK nos EUA para a agência de notícias e rádio Sputnik.

Segundo a pesquisa, 16% dos norte-americanos pensam que a mídia nacional favoreceu um dos candidatos, mas que os meios de comunicação locais eram imparciais. 5%, pelo contrário, acreditam que apenas a mídia local era tendenciosa, mas a mídia nacional, não. O número daqueles que acreditam que a mídia dos EUA deu uma informação equilibrada sobre os candidatos foi de apenas 20%.

A enquete foi realizada pela empresa de pesquisa TNS UK a pedido da agência de notícias e rádio Sputnik entre 3 e 7 de novembro de 2016 nos EUA. Foi colocada a seguinte pergunta: “Se considerarmos a campanha presidencial nos Estados Unidos, acha que a mídia favoreceu algum dos candidatos?” A amostra dos entrevistados foi constituída por 1012 pessoas com idade entre 18 a 64 anos, representativa da população dos Estados Unidos nesta faixa etária. O erro de amostragem máximo para os dados em todo o país é de +/- 3,1%, com um nível de confiança de 95%.

Sputnik

Anúncios

Publicado em 17/11/2016, em EUA. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: