Ciência e inovação para promover o progresso

Sesiona en La Habana I Convención Internacional de Ciencia, Tecnología e InnovaciónCUBA enfrenta o desafio de conseguir uma conexão mais acelerada da ciência com a produção de bens e serviços, baseada no desenvolvimento de produtos inovadores de alta tecnologia e cerrando o ciclo da pesquisa até a produção e comercialização bem sucedida.

Assim expressou Elba Rosa Pérez Montoya, ministra da Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente (Citma), na abertura da Convenção Internacional da Ciência, Tecnologia e Inovação, que reúne até a sexta-feira, 4 de novembro, no Palácio das Convenções, de Havana, delegados de 37 nações.

Ressaltou que o país tem identificado a inovação e a ciência como fatores centrais do processo de desenvolvimento e dos objetivos de justiça social. «Hoje, manifestou, os esforços nacionais do setor estão concentrados em várias direções, com especial ênfase na biotecnologia, a informatização e automatização da sociedade, a produção de alimentos de uso humano e animal, as fontes de energia renováveis, as pesquisas sociais e a mitigação e adaptação à mudança climática».

Durante a intervenção, a titular do Citma disse que o evento deve propiciar a mais ampla troca sobre as vias para pôr a ciência e a tecnologia em função do bem-estar e a prosperidade de nossos povos, particularmente daqueles que estão em situação de maior vulnerabilidade ou riscos.

«Juntemos os esforços por um desenvolvimento humano pleno e façamos com que estas armas do conhecimento sejam a base do progresso social mundial e contribuam para erradicar a fome no planeta e salvar a vida de 17 mil crianças que morrem cada dia de doenças curáveis», asseverou.

Na jornada inaugural da Convenção foi aberta a feira expositiva Expociência 2016, e foram ministradas duas conferências magistrais a cargo do Doutor em Ciências Agustín Lage Dávila, diretor do Centro de Imunologia Molecular, e o professor Anil Gupta, vice-presidente executivo da Fundação Nacional de Inovação da Índia.

Na sessão marcaram presença o comandante-da-Revolução Guillermo García Frías; Ulises Rosales del Toro, vice-presidente do Conselho de Ministros; José Saborido, ministro da Educação Superior; e o comandante do Exército Rebelde Julio Camacho Aguilera, além de vice-ministros, representantes de organizações internacionais e outros convidados.

Granma

Anúncios

Publicado em 02/11/2016, em Ciencia, Cuba. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: