O prestígio de Cuba nos direitos humanos desqualifica as acusações norte-americanas

Em uma mensagem, o chanceler exortou o governo dos Estados Unidos «a cessar sua campanha de descrédito e interferência»

Às mencionadas ressalvas do presidente da República, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, que definiu como indigna, imoral e mentirosa a recente acusação feita pelo Departamento de Estado dos Estados Unidos a Cuba, em franca manipulação da questão dos Direitos Humanos, acrescentou suas avaliações nesta segunda-feira, 5 de abril, o ministro das Relações Exteriores, Bruno Rodríguez Parrilla, que rejeitou, no Twitter, «as alegações enganosas e politizadas» do relatório que as apoia, que ele afirmou não ser verdadeiro, e que chamou de «oportunista, arbitrário e unilateral».

Na mesma mensagem, o chanceler exortou o governo dos Estados Unidos «a cessar sua campanha de descrédito e interferência».

Na mesma data, e por meio de nota divulgada no site Cubaminrex, informou-se que, em 5 de abril, à tarde, o diretor-geral encarregado dos Estados Unidos do ministério das Relações Exteriores, Carlos Fernández de Cossío, convocou o encarregado de Negócios dos Estados Unidos, Timothy Zúñiga-Brown, a fim de lhe fazer saber o repúdio às considerações de seu governo, assinalando que aproveita de forma oportunista um tema tão sensível como os direitos humanos, para sua política de agressão a países que não estão subordinados a ele, «e que defendem o direito soberano de seus povos à autodeterminação».

Leia o resto deste post

O que deve ser um jovem comunista

A União dos Jovens Comunistas deve ser definida com uma única palavra: vanguarda. Vocês, companheiros, devem ser a vanguarda de todos os movimentos. Os primeiros a estar prontos para os sacrifícios que a Revolução exige, seja qual for a natureza desses sacrifícios. Os primeiros no trabalho. Os primeiros no estudo. Os primeiros a defender o pais

A União de Jovens Comunistas deve ser definida com uma única palavra: vanguarda. Vocês, companheiros, devem ser a vanguarda de todos os movimentos. Os primeiros a estar prontos para os sacrifícios que a Revolução exige, seja qual for a natureza desses sacrifícios. Os primeiros no trabalho. Os primeiros no estudo. Os primeiros na defesa do país.

Acredito que a primeira coisa que deve caracterizar um jovem comunista é a honra que ele sente por ser um jovem comunista. Essa honra que o leva a mostrar ao mundo sua condição de jovem comunista, que não a mostra de forma clandestina, que não a reduz a fórmulas, mas a expressa a cada momento, que sai do seu espírito, que tem interesse em demonstrá-la porque é seu símbolo de orgulho.

Junto com isso, um grande senso de dever para com a sociedade que estamos construindo, com nossos semelhantes e com todos os homens do mundo.

Leia o resto deste post

Precisamos e podemos parar o COVID-19

Vemos o progresso de nossos candidatos de vacinas com otimismo e a esperança de que até o final do ano estaremos todos imunizados; mas, por enquanto, a disciplina, a prevenção e o cumprimento das regras são os melhores medicamentos para evitar a doença

O terceiro surto da Covid-19 que atingiu o país desde dezembro passado não foi controlado, apesar das ações e medidas para reverter esse quadro. Na segunda-feira, 29 de março, foram diagnosticados 1.008 novos casos positivos, número que é o terceiro maior em um dia, desde o início da pandemia no país.

Leia o resto deste post

Cuba é humanidade

Uma Brigada retorna do México no mesmo dia em que se completa um ano depois que o Contingente Henry Reeve saísse para oferecer sua ajuda na luta contra a Covid-19

Justamente quando esta terça-feira, 16 de março, marcasse um ano da saída da primeira brigada médica do Contingente Internacional de Médicos Especializados em Situações de Desastre e Epidemias Graves Henry Reeve, para colaborar no confronto à Covid-19 em outras nações do mundo, voltou à Pátria, mais uma vez com a missão cumprida, outro grupo de médicos que partiu para o México em dezembro para apoiar o combate à pandemia naquele país irmão.

«Esta é uma brigada que trabalhou durante três meses em uma situação complexa, e seu trabalho foi reconhecido pelo ministério de Defesa e Saúde da República Mexicana, e também pela direção do Governo da Cidade do México», disse o presidente da República, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, dando-lhe as boas-vindas através de uma mensagem de vídeo. Assim que a quarentena terminar, «nos veremos para podermos trocar as experiências, aprendizados e experiências com vocês», disse o chefe de Estado, que lhes garantiu que «nós todos estamos empenhados em ter sucesso no confronto à Covid-19».

Leia o resto deste post

As mulheres cubanas são filhas de uma pátria indomável e livre

Em mensagem por ocasião deste 8 de março, o Secretariado Nacional da Federação das Mulheres Cubanas parabenizou todas as mulheres do país e as chamou a comemorar a data, mesmo apesar das complexas condições impostas pela COVID-19

Em mensagem por ocasião deste 8 de março, o Secretariado Nacional da Federação das Mulheres Cubanas (FMC) parabenizou todas as mulheres do país e as chamou a comemorar a data, mesmo apesar das complexas condições impostas pela Covid-19.

«Nada pode ofuscar os avanços que fizemos em termos de igualdade e inclusão social nestes 62 anos de triunfo revolucionário, que nos levaram a ser protagonistas e beneficiárias diretas de programas que têm como fim a proteção da saúde, a maternidade, a diversificação na produção alimentar, o aperfeiçoamento profissional e nas profissões, a multiplicidade de fontes de emprego, a promoção a cargos de direção e de decisão, a visualização do trabalho feminino em todos os ramos da criação artística e muito mais», diz.

Leia o resto deste post

Soberana 02, a primeira vacina latino-americana a avançar para a fase III

O fáqrmaco cubano se torna o primeiro projeto latino-americano de luta contra a COVID-19 a chegar a esse estágio

O Centro de Controle Estatal de Medicamentos, Equipamentos e Dispositivos Médicos (Cecmed), autorizou o início da fase III dos testes clínicos da vacina candidata Soberana 02, após rigorosa análise da documentação apresentada pelo Instituto Finlay de Vacinas.

Anteriormente, o presidente da República de Cuba, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, publicou na quarta-feira, 3 de março, em sua conta no Twitter, que a fase III dos testes clínicos da Soberana 02 e Abdala começará em breve, em Havana, Santiago de Cuba e Guantánamo, com mais de 85 mil voluntários; e também a fase II da Soberana 01 em Cienfuegos. «A esperança vem, mas não vamos esquecer a responsabilidade», disse.

Leia o resto deste post

Pátria ou Morte!, um clamor em homenagem ao grito de independência

No 126º aniversário do reinício das lutas pela independência, foram colocadas duas oferendas de flores em nome de Raúl e Díaz-Canel, junto ao nicho coberto pela bandeira cubana que guarda os restos mortais do Herói Nacional

Acesa em 24 de fevereiro de 1895, a chama da Guerra Necessária convocada por José Martí, com todos e para o bem de todos, voltou a brilhar com intensidade neste 126º aniversário, quando um clamor de Pátria ou Morte! ressoou em frente ao mausoléu do Herói Nacional.

Com o slogan, pronunciado em coro, foi selada a homenagem que, por ocasião da data, incluía oferendas de flores do primeiro secretário do Comité Central do Partido, general-de-exército Raúl Castro Ruz, e do presidente da República, Miguel Díaz -Canel Bermúdez, depositado junto ao túmulo coberto pela bandeira cubana, que contém os restos mortais do Apóstolo.

Leia o resto deste post

Biocen, da notícia à esperança na luta contra a Covid-19

O Centro Nacional de Biopreparações (BioCen), com sede no município de Bejucal, em Mayabeque, anunciou a entrada em fase de escalonamento da produção, em suas instalações, da vacina Soberana 02, que deve iniciar a fase III de seu teste clínico, nos primeiros dias de março, com a vacinação de cerca de 42.600 pessoas

Se há algo que o cubano incorporou nestes tempos de pandemia, é a terminologia científica. Antígeno, morbidade e nasofaringe são algumas das apropriações, mas, sem dúvida, as vacinas candidatas são pronunciadas com uma distinção especial, pois definem a esperança coletiva.

Leia o resto deste post

Nossa opção sempre será Pátria ou Morte

«Porque os cubanos adquiriram um verdadeiro sentido da vida, que começa por considerá-la indigna quando não é vivida livremente, quando não é vivida com decoro, quando não é vivida com justiça, quando não é vivida para algo, e por algo grande os cubanos vivendo neste momento

E é bom que o digamos sem nos vangloriar, como quem está realmente decidido a fazer o que é prometido.

«Tomara que aqueles que, perturbados no mais elementar bom senso, se atrevam a considerar possível qualquer tipo de invasão de nosso solo, compreendam a monstruosidade de seu erro, pois isso pouparia muitos sacrifícios. Mas, se isso acontecer, infelizmente, mas sobretudo para desgraça de quem nos atacou, que não tenha dúvidas de que aqui, nesta terra chamada Cuba, aqui no meio deste povo chamado cubano, será preciso lutar contra nós enquanto tivermos uma gota de sangue, será preciso lutar contra nós enquanto tivermos um átomo de vida.

«Jamais atacaremos ninguém, ninguém jamais terá nada a temer de nós, mas quem quiser nos atacar deve saber sem medo de errar que com os cubanos hoje, que não estamos em 1898 ou 1899, que não estamos o início do século, que não estamos nos anos 1910 ou 1920 ou 1930, com os cubanos desta década, com os cubanos desta geração, com os cubanos desta era – não porque sejamos melhores, mas porque tivemos a sorte de ver mais claramente, porque tivemos a sorte de receber o exemplo e a lição da história; a lição que custou tantos sacrifícios aos nossos antepassados, a lição que custou tanta humilhação e tanta dor às gerações passadas, porque tivemos a sorte de receber essa lição – com esta geração é preciso lutar, se nos atacam, até a sua última gota de sangue…

Leia o resto deste post

Cuba retorna e permanece, ao mesmo tempo, no Azerbaijão

O presidente da República de Cuba, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, deu as boas-vindas na quinta-feira, 11 de fevereiro, ao primeiro grupo do Contingente Internacional de Médicos Especializados em Situações de Desastre e Epidemias Graves Henry Reeve, que colaborou no Azerbaijão no confronto com a Covid-19

Do Grupo de Trabalho Temporário para a Prevenção e Controle do novo coronavírus, o presidente da República de Cuba, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, deu as boas-vindas nesta quinta-feira, 11 de fevereiro, ao primeiro grupo do Contingente Internacional de Médicos Especializados em Situações de Desastres e Epidemias Graves Henry Reeve, que colaborou no Azerbaijão na luta contra a Covid-19.

Leia o resto deste post
%d blogueiros gostam disto: